Atendimento

(11) 2372-6352

Ministério da Educação está prestes a aprovar novas diretrizes para o curso de Ciências Contábeis

Saiba como isso vai mudar sua vida

Mudanças devem beneficiar não apenas estudantes e profissionais, mas a sociedade como um todo


Agência Apex
Comunicação CFC

A nova proposta curricular do curso de Ciências Contábeis está em vias de ser homologada pelo Ministério da Educação. Com parecer (n.º 432/2023) aprovado pela Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação (CNE) em junho do ano passado, as alterações nas diretrizes devem beneficiar não apenas os profissionais, mas a sociedade em geral. Trata-se de uma importante conquista e evolução a ser comemorada hoje (24), Dia Internacional da Educação.

“É um grande passo para a qualidade da formação dos egressos dos cursos de Ciências Contábeis. Porém, as mudanças devem ser positivas à sociedade como um todo. Esta irá se beneficiar com profissionais cuja formação teve como base a ética na conduta das atividades; o compromisso com a governança e a sustentabilidade; a administração de conflitos; os relacionamentos interpessoais; e a proatividade”, declara o vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), José Donizete Valentina.

Os pontos de alteração têm como foco as competências abordadas no curso, que passam a ser organizadas com ênfase no seu desenvolvimento, em suas habilidades e atitudes, sempre com vistas à concepção de desenvolvimento sustentável. Com a nova proposta, o trabalho de conclusão da graduação passa a ser opcional, e as atividades de extensão, incluídas na grade curricular, visando maior interação entre instituições de ensino e sociedade.

Outra novidade diz respeito ao estágio supervisionado, que passa a ser obrigatório.  “A obrigatoriedade do estágio é muito importante e bem vista. O trabalho na área de formação em Ciências Contábeis precisa ser uma prerrogativa para que o aluno tenha habilidade na atuação do exercício da profissão”, comenta José Donizete Valentina. “Isto em nada impede que, em paralelo, as entidades de educação ainda mantenham o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), mesmo que este passe a ser facultativo.”

Segundo o representante do CFC, a nova proposta visa que os alunos sejam capazes de utilizar o pensamento científico; participar do processo decisório das diversas organizações, podendo atender às necessidades de informações de todas as partes interessadas; desenvolver perspectivas multidisciplinares e transdisciplinares em sua prática; e atuar com isenção, comprometimento e ceticismo profissional.

“As novas diretrizes também possibilitam maior consciência sobre a própria responsabilidade social, ambiental e de governança, numa visão sistêmica, holística e humanista. O objetivo é formar profissionais com capacidade de cooperação, criativos, críticos, éticos e reflexivos, com formação técnica robusta”, diz. “O profissional da contabilidade do futuro terá que ser capaz de usar a pesquisa e a criatividade para organizar e interpretar dados, a fim de resolver problemas organizacionais; desenvolver argumentos com base em evidências; exercer liderança; e comunicar-se de forma eficaz, compartilhando ideias e conceitos de modo efetivo.”

Outras qualidades importantes serão a capacidade de integrar os saberes de Administração, da Economia, do Direito e de outros conhecimentos ligados ao setor das Ciências Contábeis, além de utilizar os saberes de estatística, métodos quantitativos e matemática financeira como ferramentas de apoio na tomada de decisões.

O parecer aprovado pela Câmara de Educação Superior do CNE foi feito com envolvimento e colaboração do CFC, das academias Nacional e Estaduais de Ciências Contábeis, dos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs) e de professores e instituições de ensino superior da área contábil de todo o país.

A reprodução deste material é permitida desde que a fonte seja citada.


Fonte original do artigo

Compartilhe

Precisa organizar sua contabilidade?

Fale Conosco

Success
Formulário enviado com sucesso!
Campo obrigatório
Campo obrigatório
Campo obrigatório
  • Cálculo Trabalhista
  • Certificado Digital
  • Imposto de Renda (IRPF)
  • Folha Doméstica
  • BPO Financeiro
  • Legalização de Empresas
  • Assessoria Trabalhista
  • Departamento Fiscal
  • Departamento Contábil
  • Assessoria Contábil
  • Outros Assuntos
Campos Obrigatórios
Campo obrigatório